Empresários em Movimento

Empresários em Movimento

Grande Florianópolis mostra força no empreendedorismo

O presidente da Ampe Metropolitana, Piter Santana, destacou o protagonismo de Florianópolis e região no empreendedorismo catarinense, ao analisar dados da Junta Comercial com balanço de 2019. As micro e pequenas empresas, somadas aos microempreendedores individuais, são a base da economia do estado, com 98,3% das empresas catarinenses. Três cidades da Grande Florianópolis estão entre as 10 com mais empresas ativas: Florianópolis (86.354), Joinville (71.386), Blumenau (48.123), Itajaí (34.802), São José (32.366), Balneário Camboriú (27..581), Chapecó (25.546), Palhoça (23.577), Criciúma (22.063) e Jaraguá do Sul (18.561).

No total, Santa Catarina chegou a 841.060 empresas ativas. Em 2019, foram constituídas 133.141 novas empresas, com saldo de 94.197 – contra um saldo de apenas 17.771 de 2018. Os cinco setores que mais abriram empresas no ano passado foram: comércio, reparação de veículos e motocicletas (33.166), indústria de transformação (15.663), construção (14.367), alojamento e alimentação (12.065), outras atividades de serviços (11.924).

“Os governos e legisladores precisam priorizar o apoio ao empreendedor como estratégia de desenvolvimento sustentável. Os números de Florianópolis são consequência de políticas públicas de incentivo aos pequenos que foram implantadas a partir de sugestões da Ampe Metropolitana. Precisamos levar este exemplo a todo o estado e ao país”, sugeriu Piter Santana. O programa de crédito Juro Zero da Capital é um dos casos que será usado como base para uma ação do governo federal prevista para este ano, a partir de uma articulação liderada pela Ampe Metropolitana junto ao Ministério da Economia

Compartilhe agora:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Share on whatsapp

Receba novidades do mundo empresarial por email. Cadastre-se agora!